Navio encalha no Canal de Suez e provoca fila. Internet não perdoa e faz memes

imagem-destacada-navio-encalha-no-canal-de-suez-e-provoca-fila-internet-nao-perdoa-e-faz-memes

O que era para ser uma operação de rotina, acabou em acidente que pode trazer prejuízos para o comércio mundial. O navio Ever Given operado pela Evergreen encalhou por volta das 7h40 (2h40, no horário de Brasília) desta terça-feira no Canal de Suez, no Egito,  transportando uma carga da China para a Holanda.

As informações dão conta que o navio que pesa mais de 200 mil toneladas teve uma pane e depois foi atingido por fortes rajadas de vento. Nesta quinta-feira, uma operação com oito rebocadores foi montada para tentar retirar o navio do canal que liga o  mar Vermelho ao Mediterrâneo.

O acidente provocou uma fila de navios nos dois sentidos do canal, que é uma das rotas de navegação mais importantes do mundo. Cerca de 10% do comércio do planeta passa pelos 160 quilômetros da via inaugurada em 1869 e ampliada em 2015.

Acompanhe o Ever Given pelo site Marine Traffic.

Foto por @planetlabs
Foto por @planetlabs

Como consequência, o preço do petróleo subiu nesta quinta-feira (24), uma vez que os vários navios-petroleiros estão aguardando a remoção do navio. Algo que não será fácil,  imagens do Ever Given mostram que proa do gigantesco navio está presa na parede leste do canal e a popa na parede oeste, obstruindo completamente a passagem.

E não é para menos. O Ever Given é um dos mais navios de carga do mundo.  A situação provocou alguns memes nas redes sociais.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Prezados mergulhadores, clientes e amigos,

Em função da atual situação do Brasil e do mundo, de quarentena, isolamento físico e proibição de agrupamento de pessoas num mesmo local, teremos que alterar nossas atividades de mergulhos e de cursos. Nosso calendário está temporariamente suspenso até segunda ordem e deste momento em diante trabalharemos apenas com cursos sob consulta e demanda. Se você tem interesse em algum curso do Onda Azul ou parceiros, entre em contato por e-mail e nos conte sua necessidade. Iremos atender da melhor forma possível.

Desde já agradecemos a atenção e compreensão,

Paulo Guilherme Pinguim
Fundador do Centro de Estudos do Mar Onda Azul